Nossos Links

É o que normalmente ouvimos de quem não tem compromisso com devolver o que não lhe pertence.
A igreja nos dias de hoje, está completamente sem créditos em meio a sociedade. Isso é devido as noticias “bombásticas” que vemos todos os dias na TV. Pastores que desviam dízimos para uso próprio, envolvidos em escândalos gigantescos relacionados a dinheiro. Ministérios que usam o nome de Deus para comprar carros, mansões, construir grandes negócios. De fato, ouvimos muitos que digam que igreja é um negocio lucrativo, basta ter alguém que pregue com eloqüência, com autoridade, com firmeza em suas palavras, para que as pessoas passem a “depositar toda a sua fé”.

Não preciso citar nomes aqui, por que os nomes estão diariamente em capas de revistas, jornais e matérias de TV. Existem igrejas em nosso querido Brasil, que tem pedido de forma discreta “ofertas voluntarias” em valores estimados. Parece até brincadeira, mas não é. Vi casos de pedirem o trizimo, para que lhes fossem aberto as portas de bênçãos celestiais.  Irmãos, morada no céu não é comprada com dinheiro de homens.

Devido a toda essa imensa sujeira de desvios de dízimos, vários irmãos de congregações em todo o pais deixaram de devolver o dizimo, e todos com as mesmas alegações: “não vou dar dinheiro para pastores comprar carros e viajarem por minha conta”. Certo que é frustrante ver isso tudo acontecer, e ainda mais quando se trata do dinheiro que veio do suor de muitos. Mas uma coisa é certa, cada um faça a sua parte.

Se conhecemos a verdade, certo é que devolvamos à Deus o que pertence a Ele. E mais ainda, se esses mesmos homens que dizem ser de Deus, tem descumprido com suas obrigações em relação aos dízimos e ofertas, será cobrado DELES, e não de nós. Deus é fiel e justo, nada será impune. Alguns pagam nas cadeias, outros pagarão eternamente por seus erros.

E ai, ainda acham que devem ser cessado os dízimos e ofertas por conta disso?

Ao que distribui mais se lhe acrescenta, e ao que retém mais do que é justo, é para a sua perda. A alma generosa prosperará e aquele que atende também será atendido.
Provérbios 11:24-25




1 comentários :

Jacintho-Judo disse...

Hoje a doutrina de dízimos é defendida pela maioria das igrejas, seja voluntário ou obrigatório. Porém, os dízimos eclesiásticos foram inventados pela igreja católica, e não foi usado só para obra da igreja. Guerras e a inquisição foram patrocinados pelos dízimos. Os dízimos católicos imitavam os do Antigo Testamento; cobravam dos produtores agropecuários, com alguns abusos. Um estudo bem detalhado com textos em português e espanhol sobre o assunto está disponível no site Slide share: Entrevista sobre o pagamento de dízimos no Antigo Testamento, na igreja católica, e nas igrejas evangélicas. Acesse e conheça um estudo que trata desta parte dos dízimos desconhecida da maioria de católicos e evangélicos e as pessoas em geral. Autores de livros sobre o assunto desconhecem ou omitiram os dízimos católicos cobrados dos agropecuarista durante mais de mil anos que teve inicio no século IV como voluntários para ajudar a renda da igreja, ganhou impulso nos séculos seguintes até se tornar obrigatório no VIII e força total inicio do XII, quando começaram as cruzadas que foram patrocinadas pelos dízimos. Essas e outras revelações sobre os dízimos você encontrará nesse estudo. Confira com atenção os texto históricos e veremos que o mundo tem memória custa,mas fatos históricos podem nos ajudar a chegar ao conhecimento da verdade.

Siga-nos por Email

Mais Lidos da Semana

Ocorreu um erro neste gadget
Romanos-8. Tecnologia do Blogger.